Fandom

Fullmetal Alchemist Wiki Brasil

Troca Equivalente

123 páginas
nesta wiki
Adicione uma página
Comentários0 Compartilhar

"Tudo neste mundo pode ser explicado com base na alquimia. A Lei da Troca Equivalente. Direitos são dados no preço do dever." - Edward Elric 

"Nada pode ser obtido sem sacrifício. Para se obter algo é preciso oferecer algo em troca de igual valor. Esse é o princípio básico da alquimia, a Lei da Troca Equivalente. Naquela época, nós acreditávamos que essa fosse a lei absoluta." - Alphonse Elric 

A Lei de Troca Equivalente (等価交換, Tōkakōkan) é umas principais leis da alquimia em Fullmetal Alchemist, e é usado por todos os alquimistas.

É a lei básica da alquimia, que se aplica à maior parte das situações. Ela impõe a teoria de que para se ganhar alguma coisa, é necessário sacrificar alguma outra coisa do mesmo valor. Criar coisas do nada, é impossível, na alquimia, a exceção da Pedra filosofal que ignora as leis, porém, para que esta seja criada, é necessário um sacrifício de alto custo.

Na química e alquimia real

A lei da troca equivalente também chamada de lei de conservação de massa, também conhecida como o princípio de conservação da matéria, indica que a massa de um sistema isolado não pode ser alterada, como resultado de processos que atuam dentro do sistema. E que, por qualquer processo alquímico ou químico a massa de um produto inicial deve ser a mesma do produto final após o processo.  

Na natureza nada se cria, nada se perde, tudo se transforma. - Antoine Lavoisier (químico que "descobriu" o oxigênio)

A lei implica e se relaciona com a lei da conservação da matéria, e os nomes são usados ​​alternadamente. Esta lei afirma que a matéria não pode ser criada ou destruída, embora possa ser reorganizada no espaço e transformado em diferentes tipos de partículas; 

Na alquimia e na química, a a manipulação de matéria a partir de processos de transmutação. Não é possível a criação de nova matéria. Desconstrução e reconstrução referem-se a moléculas e o arranjo delas ou obrigações entre elas. 

Plot

Série de 2003

Troca Equivalente-0.png

As Almas do Portão cobrando a parte de Edward da troca

A partir das energias das almas que após a morte perdem a energia que é enviada ao mundo dos alquimistas onde eles usam essa energia para fazer a alquimia a canalizando com a ajuda de um circulo de transmutação. Para se transformar um elemento em outro é necessário que eles compartilhem semelhanças como átomos de mesmo elemento, mesma massa, mesmo peso e etc. Essa lei em pequenos níveis assim se a lei for desrespeitada a alquimia apenas não funcionara, mas em niveis de alquimia elevados como a alquimia humana a troca deve ser cobrada por um ser de nivel superior. Após tentar fazer alquimia humana a pessoa vai a uma dimensão diferente onde esta o Portão dentro do portão existe o olho que analisa a pessoa e decide oque será cobrado. As almas que estão presas ao portão são responsáveis por cobrar a troca pegando do alquimista algo precioso para ele ou que estivesse relacionado ao seu desejo.

Mangá e Série de 2009

A alquimia é utilizada graças ao Porta da Verdade que representa a própria alma da pessoa. Ela produz a energia que é canalizada pelos círculos de transmutação, que permite a alquimia. Não se diferencia muito da série de 2003 a não ser no nível da cobrança da alquimia humana. Tanto no mangá quanto na série de 2009 o Olho cria finos braços negros que são responsáveis pela cobrança da troca, a Verdade ou Deus na maioria das vezes conversa com o alquimista e explica algumas coisas importantes a ele. Mas sua forma de falar é complexa e enigmática deixando-os normalmente muitos confusos.

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no Fandom

Wiki aleatória