FANDOM


Pai
Homúnculo
Pai.jpg
Nomenclatura
Nome completo Pai
Homúnculo
Língua japonesa お父様
フラスコの中の小人
Romanização Otō-sama
Homunkurusu
Tradução Pai[1]
Homúnculo[2]
Alcunhas O ser pequeno que vive no frasco
O pequeno ser dentro do frasco
O Filósofo do Oriente
"O Bom Cavalheiro"
"Barbudo Desgraçado"[3]
Dados Gerais
Afiliação Homúnculos
Van Hohenheim (antes)
Povo de Xerxes (antes)
Ocupação Líder dos Homúnculos
Patente
Itens usados Alquimia
Alquimia única
Objetivos pessoais Se tornar um Deus perfeito controlando o Olho de Deus e removendo todos os seus sete pecados cardinais
Obter absoluta liberdade de "Deus".
Estado Falecido
Dados Pessoais
Raça Homúnculos
Etnia
Gênero Masculino
Idade 435 anos aproximadamente
Data de nascimento
Local de nascimento Xerxes
Traços únicos Ser um pequeno ser que vive dentro de um frasco (antes)
Ter a aparência idêntica a de Van Hohenheim (antes)
Túnica branca
Barba e cabelos grandes e grisalhos
Educado e frio
Imortal
Interações pessoais Homúnculos (criação)
Van Hohenheim[4]
Edward Elric[5]
Alphonse Elric[6]
Dados de Mídia
Estréia Capítulo 31, Episódio 1
Estréia alternativa
Estréia nos jogos
Aparições
Voz japonesa Iemasa Kayumi[7]
Voz brasileira Carlos Silvera
Ulisses Bezerra (forma original)
Wendel Bezerra (forma final)
25px-CharacterAmestrisFlag.png


Homúnculo (フラスコの中の小人, Homunkurusu), chamado pelos homúnculos de "Pai" (お父様, Otō-sama), é o principal antagonista do mangá e do anime Brotherhood. Ele é provavelmente o Homúnculo original, extremamente poderoso, que tem aparência física de Van Hohenheim. Ele é também o criador e líder dos Homúnculos.

Aparência

A primeira forma do Pai é uma pequena massa redonda de gás negro com um único olho, uma larga boca dentada e braços que se assemelham a tentáculos, fazendo com que ele se assemelhe ao Olho da Verdade do interior do Portão (Isto pode ser porque o Pai foi criado a partir da essência da entidade).

Devido à sua imitação do corpo de Hohenheim em Xerxes, a segunda forma do pai parece idêntica à aparência de Hohenheim, excluindo cabelos e cor da pele, penteado, roupas, algumas rugas adicionais e falta de óculos. Hohenheim referiu-se a esta forma como nada mais do que uma casca humana que o Pai usa para esconder sua verdadeira aparência. Ele é normalmente visto na parte subterrânea da Central, em que ele e os Homúnculos residem, sentado em um trono de pedra ou cimento com numerosos tubos que estão conectados nele. O trono em si também tem uma conexão física com ele, o que pode ser solto a partir dele através de tubos saindo diretamente de sua espinha. Ele usa os tubos para espalhar a Pedra Filosofal sob a nação de Amestris. O objetivo por trás disso é atuar como uma barreira entre a energia tectônica da crosta terrestre, onde a Alquimia Amestrina obtém sua energia, para que ele possa impedir os outros de usar a Alquimia a qualquer momento. Fazendo isso, porém, ele acabou envelhecendo seu corpo um pouco mais do que Van Hohenheim, que ainda parece idêntico do tempo de Xerxes. Este processo, entretanto, pode ser contrabalançado por um "Círculo de Transmutação Reversa", que é um conceito que o Irmão de Scar descobriu ao combinar práticas da Alkahestria Xingesa e Alquimia. A Alkahestria não foi afetado pela barreira do Pai porque a Alkahestria usa energia do chi da Terra em vez disso, o que permite que Scar e May Chang continuem usando sua alquimia mesmo quando o Pai bloqueia a Alquimia Amestrina.

Durante sua batalha com Hohenheim, Hohenheim ganha a vantagem na batalha. No entanto, depois que o Pai deixa de lado sua casca de "segunda forma" e revela sua verdadeira forma, ocorre uma batalha invisível entre ele e Hohenheim resultando na vitória do Pai. Nesta forma o pai mostra para um corpo estranho, com a estrutura de corpo que assemelha-se um tanto a sua forma antiga do frasco. Mais tarde seria revelado ser realmente um aspecto de um gigante ciclópeo que revela-se no objetivo de obter as almas de Amestris e começa a absorver a entidade além do Portão, embora o Pai enigmaticamente revela que desencoraja seus sacrifícios de tentar escapar. Esta forma é muito mais fina, mostrando o que parece uma caixa torácica, um corpo mais musculoso, a multidão de olhos e sorrisos largos que estavam em sua forma anterior desapareceram, e ele agora tem um grande e proeminente olho na testa.

A quarta e última forma do Pai se parece muito com uma versão mais jovem de Hohenheim. Além disso, apesar de olhar tão jovem, ele mantém a voz de sua segunda forma.

Personalidade

Quando ele tinha sua forma original e mortal no frasco, ele tinha uma personalidade muito mais carismática para ele. "Cheio de emoções humanas", como observa Hohenheim, antes de "purgar" seus pecados capitais. Quando confrontado por Hohenheim sobre isso, o Pai revela que os sete Homúnculos foram criados apenas para que ele se tornasse um ser perfeito. Ele é obscuro e pressentido. Durante seu primeiro encontro com os irmãos Elric e Ling Yao, o pai mostra um lado um pouco mais cômico, o lado mais leve de sua personalidade, semelhante à de Hohenheim, mas quase imediatamente troca de volta para seu comportamento muito sério.

Pai também é frio, impiedoso e acredita que todos ao seu redor não são nada além de ferramentas para serem usados como parte de seus planos. As únicas exceções a isso podem ser seus sete "filhos" Homúnculos, como Hohenheim havia afirmado durante a batalha que uma das razões que os criou era porque ele queria uma família própria, daí o título de Pai. As personalidades dos Homúnculos revelam indiretamente mais sobre o Pai, pois, como ele diz a Ganância que eles nasceram de seus próprios vícios, bem como as emoções subconscientes que os levaram, e tudo o que sentem ele já tinha sentido antes. Isto se reflete principalmente em Ganância, Inveja e Orgulho. O desejo de Ganância de possuir todas as coisas existentes era realmente uma tentativa de escapar da solidão e do desejo de amigos íntimos que ele sentia no fundo, enquanto o ódio grandioso de Inveja aos humanos cobria um complexo de inferioridade profundamente arraigado e inveja dos seres humanos, particularmente o seu senso de intimidade emocional, e o grande desdém de Orgulho da raça humana cobre uma certa falta de auto-reverência. Essas revelações sugerem que no fundo, parte do que o Pai queria purgar era a sua própria solidão e inveja insuportáveis que os humanos tinham um ao outro para apoio social, emocional e físico, enquanto ele era originalmente o único Homúnculos existente na Terra.

Como ele não podia ser como ou ser parte da raça humana e, como se sentia feito com a deprimente privação social que sofreu por o que sentiu ser um tempo muito longo, ele resolveu se libertar do frasco que o impediu de ter acesso físico e contato com as pessoas e evitar todos os sentimentos "pesados" que ele sentia anteriormente (desejosos de experimentar uma íntima intimidade física e familiar com outras pessoas), como "inferiores" ao buscar o que ele considera infinitamente maior (o poder de abolir caótica as leis físicas impostas sobre tudo).

Sua sede de poder parece ser a única coisa mais importante para ele além de si mesmo, visto quando ele não hesita em abandonar seu "filho" Orgulho em troca de reabastecer sua Pedra Filosofal ou absorver Ganância em seu corpo para reabastecê-lo. Além disso, embora ele considere os Homúnculos como seus filhos, ele nunca expressou nenhum sentimento sequer por seus óbitos. Ao contrário de Luxúria ou Inveja, o Pai indicou também que não sente nenhum ódio ou desprezo contra os seres humanos. Ele confessa a Edward que ele simplesmente vê os seres humanos como nada além de trampolins que serão usados como forma de adquirir mais poder, explicando sua indiferença absoluta em relação a eles.

Apesar de sua personalidade sendo normalmente a de um ser calmo, meditativo, ele se mostra extremamente animado quando seus planos finalmente se reúnem, mostrando um lado perverso, alegremente mal a sua personalidade, rindo de prazer quando o círculo de transmutação nacional foi transmutado efetivamente. Quando fora de seu recipiente humano e revelando sua verdadeira forma, ele é muitas vezes visto com um sorriso perverso.

O Pai afirma que a Verdade (a consciência dos alquimistas) é um Deus pessoal, e como o Pai se considera um ser perfeito, ele também pensa que Deus está ao seu lado. As interpretações extremamente pessoais do Pai sobre os trabalhos da Verdade têm uma falha lógica, de acordo com Edward Elric. Finalmente, nos momentos finais, a motivação do Pai é revelada como sendo a liberdade das leis do próprio universo.

Plot

Habilidades

Alto Intelecto:

Mestre da Pedra Filosofal:

"O Poder de Deus": Devido ao número de sacrifícios causados pelo Círculo de Transmutação Nacional, o Pai conseguiu absorver a entidade além do Portão e agora tem o "poder de Deus" dentro dele com as almas Amestrinas que ele absorveu, mantendo-a sob controle. Ele pode agora quase desafiar completamente a ordem natural (ou, nas palavras do Pai, "fazer qualquer coisa"). Ele pode manipular energia e matéria em toda sua extensão, transformar qualquer coisa em qualquer coisa em qualquer escala e criar qualquer força em qualquer magnitude. Ele mantém a sua quarta forma e os poderes que a acompanham, mesmo depois de ter perdido as almas dos Amestrinos, mas como ele não tem forças para manter o "Deus" dentro de seu novo corpo, o novo poder é muito pesado sobre ele, deixando-o vulnerável para um contra-ataque. Refletindo isso, a aparência do pai se deteriora à medida que a luta prossegue: sua pele e cabelos perdem a cor, veias aparecendo em seu corpo e, eventualmente, seu rosto perde quase toda semelhança humana.

  • Criação de uma versão miniatura do Sol:
  • Criação de corpos para as almas dentro da Pedra Filosofal: É revelado que o Pai agora tem a capacidade de criar corpos para as almas dentro da Pedra Filosofal. No entanto, esses seres não são bem-feitos e começam a desmoronar momentos depois que eles foram criados. Pai usou essa habilidade apenas para distrair seus inimigos para que ele pudesse desencadear um ataque devastador.

Alquimia

Mestre da Alquimia: O corpo do Pai é criado pela Pedra Filosofal que veio de metade das almas da população humana de Xerxes (no entanto, ele mais tarde deu partes dela para criar os outros Homúnculos). Devido a isso, ele é capaz de realizar a alquimia sem desenhar um círculo de transmutação, batendo palmas, ou até mesmo sem precisar se mover. Ele é capaz de usar a alquimia para remodelar seu próprio corpo para qualquer situação.

Trivia

  • A forma original de Pai foi inspirada provavelmente pelos conceitos reais dos Homúnculos. Supostamente, se um alquimista tivesse sucesso em criar tal ser, ele o manteria dentro de um frasco de vidro por um certo período de tempo, como morreria em seu estágio de "infância" fora dele. A forma evoluída repleta de olhos e bocas do pai e sua encarnação gigante poderiam ser uma referência das falácias do "Homúnculos".
  • O Pai e Inveja do anime de 2003 compartilham várias semelhanças. Ambos tinham algum tipo de relação com Hohenheim, sendo criado por ele. Os dois foram considerados os primeiros Homúnculos em suas respectivas histórias, tendo aproximadamente 400 anos de idade. Também é interessante notar que a forma original de Inveja se assemelha à quarta forma de Pai, com ambos parecendo versões mais jovens de Hohenheim.
  • Embora seja afirmado inúmeras vezes que o Pai tenha purgado todos os seus pecados, é interessante notar que ele age de uma maneira semelhante à dos pecados: Ele deseja se tornar um ser perfeito (Luxúria); Ele devora almas sem auto-controle (Gula); Procura poder a todo custo (Ganância); Prefere deixar que os outros façam o seu trabalho para ele (Preguiça); Sente raiva contra qualquer oposição, principalmente se vier de Hohenheim (Ira); Tem um desejo por uma família como os seres humanos (Inveja); Vê os seres humanos como "formigas" (Orgulho).
  • Sua natureza orgulhosa pode ser uma referência ao orgulho de ser o "pai de todos os pecados".
  • A imagem do Pai tem uma semelhança impressionante com o conceito de imagem de Deus como um velho com vestes em várias religiões. Ironicamente, a natureza eo simbolismo de sua origem, métodos e objetivos, na verdade, o torna o análogo mais próximo da franquia Fullmetal Alchemist de ser uma encarnação do Diabo. Dr. Tim Marcoh referindo-se a Pedra Filosofal como "a pesquisa do Diabo" sugere que o Pai é responsável pelas primeiras pedras já criadas e procura alcançar a "divindade" alimentando ainda mais a sua própria pedra com o maior número possível de almas.
  • A pessoa que faz a voz do pai na versão japonesa também narra o anime Brotherhood. Ele pode ser ouvido narrando o preview do próximo episódio e no início dos primeiros episódios, onde ele brevemente explica o conceito de alquimia para os telespectadores.
  • No anime Brotherhood, antes que o Pai seja sugado de volta para o Portão (enquanto em sua quarto forma), ele perde ambos os braços (o outro braço foi perdido quando ele destruiu Ganância), ao contrário do mangá onde ele só perde um braço e uma perna, ironicamente espelhando o que aconteceu com Ed no início da história.
  • O Pai é o personagem com maior quantidade de mudanças em termos de aumentar suas próprias capacidades, devido às suas numerosas transformações.
  • Na versão japonesa original do anime Brotherhood, quando o Pai está em sua forma de "velho", ele parece estar lutando para pronunciar certas palavras, e fala a um ritmo muito lento. Quando está em sua forma original, ele fala de forma muito mais fluente.
  • A punição final da Verdade para o Pai parece poético: deixando o Olho de Deus arrastá-lo de volta para o Olho, eles deixam que o Pai se torne tão alto quanto Deus em alguns sentidos, enquanto despoja completamente o Pai da liberdade que ele tanto desejou.
  • No mangá, os olhos do Pai em sua terceira forma são roxos escuros e, como aqueles de Inveja, Luxúria e Ganância, têm pupilas fendidas. No anime Brotherhood, eles são dourados com pupilas redondas como a de Edward, possivelmente para imitar ainda mais a aparência de Hohenheim. Além disso, a terceira aparição do Pai usa sandálias no mangá enquanto que no anime ele aparece descalço.
  • Antes de conhecer os irmãos Elric pela primeira vez, as ações do Pai e de Hohenheim são coordenadas muito especificamente para serem idênticas no mangá, deixando-o ambíguo se ele e Hohenheim são de fato a mesma pessoa. Apesar de se basear totalmente no mangá, o anime Brotherhood não inclui nenhuma dessas cenas.
  • Uma vez que cada um dos Homúnculos que ele criou foram parcialmente feitos de sua alma numa tentativa de purificar-se de seus pecados, uma parte dele ainda está viva devido ao Orgulho nunca ter sido totalmente destruído.
    • Isto sugere que o Pai pode ser capaz de renascer ou se recriar através de Orgulho. Porém, porque ele foi banido de volta para o Portão de onde ele se originou, não está claro se isso pode acontecer, de fato.
  • A Porta que aparece na frente do Pai (que representa ele) está completamente em branco.
    • Isto pode significar que um Homúnculos não pode usar a alquimia normalmente.
    • Considerando que o portão parece retratar um símbolo alquímico diferente (como o círculo de transmutação de Mustang) entre os alquimistas, também pode ser visto como representando o status do Pai como um ser originado do próprio Portão.
    • O Portão também poderia representar o que ele tinha aprendido, pois a Verdade afirmou que o pai "roubou seu poder dos outros", isso pode implicar que desde que o pai só roubou durante o tempo em que estava e nunca aprendeu nada e que também nunca teve nenhum poder vindo dele mesmo, por isso sua porta estava em branco.

Referências

  1. Do japonês お父様 Otō-sama.
  2. Do japonês フラスコの中の小人 Homunkurusu.
  3. Edward normalmente se refere ao Homúnculo original com esse apelido.
  4. Foi feito a partir da fragmentação do Olho de Deus e do sangue de Van Hohenheim.
  5. Foi feito a partir da fragmentação do Olho de Deus e do sangue de Van Hohenheim.
  6. Foi feito a partir da fragmentação do Olho de Deus e do sangue de Van Hohenheim.
  7. Anime Brotherhood (2009-2010).

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória